25 coisas que todo viajante deveria saber

Colocar o pé na estrada e conhecer pessoas e lugares diferentes, essa é uma das coisas que eu adoro fazer.

Nas minhas viagens percebi que muita gente acaba indo despreparada e enfrenta alguns perrengues. Tem coisas que todo viajante deveria saber, seja para não passar sufoco, economizar dinheiro ou conseguir se divertir.

Eu me considero uma pessoa experiente, mas, condesso que aprendi muito durante as minhas primeiras aventuras pelo mundo. Escutei mochileiros, executivos de estavam sempre na estrada a negócios e os aventureiros esporádicos.

SIMULE SEU SEGURO VIAGEM COM 10 SEGURADORAS

Qual é o seu destino de viagem?

Solicitar

O que eu posso dizer é que sem saber de algumas coisas você deixa de se divertir.

Como acho que diversão sem viagem não tem graça, resolvi fazer um mini guia com dicas que são indispensáveis.25 coisas que todo viajante deveria saber

1 – Economizar na hospedagem

Vão é preciso gastar dinheiro com hotéis caríssimos se o seu negócio é conhecer a cidade e lugares que oferece.

Hoje existem muitos aplicativos e sites que ajudam a economizar com a hospedagem, seja ela em hotéis, hostels ou casa de outras pessoas.

Antes de pôr o pé na estrada faça uma pesquisa e compare os valores. Além da dar boas opções de onde ficar ajuda e encontrar um valor que cabe no seu orçamento.

2 – Troque trabalho por hospedagem e comida

Se não quer gastar muito, uma boa opção é trabalhar em troca de comida ou lugar para dormir.

Apesar de no Brasil esse não ser um costume, um muitos lugares do mundo isso já é uma realidade.

Você pode trabalhar de garçonete, ajudando em uma rancho ou o que aparecer. Além de economizar ainda vai sobrar bastante tempo para se divertir.

3 – Aproveite as promoções

Promoção é para ser aproveitada então faça, isso. Fique atento a todas as promoções que surgirem, podem ser de passagens aéreas, compre 1 e leve 2, o que puder ajudar na viagem aproveite.

Começando a sua pesquisa com antecedência conseguirá aproveitar bastante o passeio.

4 – Ande com celular e carregador

O celular tem várias utilidades, pode servir de mapa, guia, cupom de desconto online, câmera e muitos outros.

Esteja sempre com ele em mãos e não esqueça o carregador para não ficar sem bateria.

5 – Abuse dos sites de desconto

Sites de compra coletiva, cupons de descontos e outros são de grande valia para quem quer economizar.

Vale também os que trocam pontos por prêmios, por exemplo, os de milhas aéreas.

6 – Leve no avião apenas o que pode embarcar

Cuidado na hora de fazer a sua mala, não é permitido entrar com alguns objetos e produtos no avião.

Na bagagem de mão não são permitidos líquidos com mais de 100 ml, não se pode levar objetos cortantes ou armas de fogo.

Fique atento as regras de bagagem das companhias aéreas e de cada país.

7 – Tenha um seguro viagem

Você não quer ser pego de surpresa por algum problema de saúde e precisar deixar todo o seu dinheiro da viagem com o médico.

O seguro viagem além de reembolsar despesas médicas pode ajudar com extravio de bagagem e outras coisas. Além disso, ele é obrigatório em alguns países.

8 – Tenha uma cópia dos seus documentos

Eu já perdi meus documentos em uma viagem, a minha sorte foi que estava no Brasil e consegui uma 2ª via rápida.

Depois disso aprendi que sempre tenho que ter uma cópia para essas situações. Eu saneio tudo e deixo armazenado em nuvem, assim, mesmo que perca o celular vou conseguir acessar de outro computador.

Sem documentos pode ter problemas para embarcar e conseguir se hospedar.

9 – Tenha adaptadores de tomada

Você já dever ter percebido que cada aparelho eletrônico possui um tipo de tomada e viajando isso será ainda pior.

Se não quer ficar sem bateria no celular ou deixar de usar alguns dos seus equipamentos eletrônicos tenha um adaptador universal de tomadas. Eles são pequenos e você pode levar para todos os lados.

10 – Ande com um lanche na bolsa

Não dá para saber quando você vai encontrar um restaurante bom e barato para almoçar ou se vai querer aproveitar tanto o passeio que vai evitar fazer pausas.

Ter um lanche na bolsa sempre me salva em várias situação. Primeiro que eu economizo com comida na rua e nunca fico com fome e de mau humor. Minha dica é levar coisas fáceis de comer como uma fruta, sanduíche ou comidas industrializadas como biscoitos e barras de cereais.

11 – Não esqueça a garrafa de água

Ficar com sede não dá. Leve a sua garrafa de água com você para todos os cantos, opte por uma que caiba na sua mochila ou bolsa.

Na hora de encher faça isso no hotel ou em bebedouros, assim se hidrata e não gasta comprando outras garrafas.

12 – Faça passeios gratuitos

Existem muitos passeios gratuitos que podem ser feitos pela cidade. Parques, museus e muitos outros podem ser bem interessantes.

Crie um roteiro com esses lugares, se divirta e economize.

13 – Tenha sempre remédio

Pode acontecer uma dor de cabeça ou má digestão por causa da comida diferente. Eu sempre levo comigo um analgésico e algo para azia.

Essa é a uma dica, ter uma pequena farmácia om alguns medicamentos e band-aid. Só não exagere para não parecer hipocondríaca.

14 – Não exagere na mala

Na hora de fazer a mala opte por uma que tenha um tamanho médio, assim não conseguira levar muitas coisas e também não faltará nada.

Coloque tudo em cima da cama e vá separando o que vale ou não a pena levar. Além de carregar menos peso não terá excesso de bagagem, pois pagar por isso não é muito legal.

15 – Carregue uma capa de chuva

A capa de chuva é bastante útil para não atrapalhar o seu passeio. Não sou muito adepta do guarda-chuva porque ele fica ocupando a mão.

Já a capa posso vestir e não terei problemas em me molhar, assim não interrompo minha programação.

16 – Estabeleça limites diários para gastos

Para não ficar sem dinheiro nos últimos dias ou depois se surpreender com a conta do cartão de crédito a regra é se programar.

Eu sempre penso o quanto vou precisar para comer, me locomover e pagar pelos passeios que pretendo fazer naquele dia. Depois de fazer as contas adiciono mais um pouco para imprevistos ou gastos extras.

Sempre que faça isso não extrapolo o meu orçamento e já consegui entender que se divertir na viagem não é a mesma coisa que esbanjar.

17 – Use cartões de transporte coletivo

O transporte coletivo ainda é uma das formas mais baratas de andar pelas cidades.

Veja se existe um cartão que te permite comprar passagens e fazer integrações, eles podem resultar em uma boa economia.

18 – Use a bicicleta

Algumas cidades usam como meio de transporte a bicicleta, se tiver essa opção alugue uma para se locomover.

Enquanto pedala vai conseguir prestar mais atenção ao lugar e não vai gastar com passagens ou táxi.

19 – Abuse do wi-fi ou compre um chip local

Pagar taxas de roaming deixam a conta do seu celular bem alta. Uma dica para não ficar desconectada do mundo é utilizar o wi-fi.

No hotel ou locais públicos é possível acessar essas redes gratuitamente, só tenha cuidado com a segurança dos seus dados.

Outra opção para não pagar o roaming é comprar um chip pré-pago local. Assim você pode usar a sua linha em qualquer lugar.

20 – Faça amizade com moradores da cidade

Conhecer moradores locais é muito divertido, você aproveita o momento para fazer novas amizades.

Eles também podem ser ótimos com dicas e como guias, te ensinam sobre cantinhos da cidade que somente eles conhecem.

21 – Coma em locais frequentados por moradores

Os gastos com alimentação podem ser bastante altos, por isso saiba onde comer.

Lugares bastante procurados por turistas são mais caros, mas se andar algumas quadras pode encontrar pontos menos badalados e com preços muito mais justos.

22 – Prefira viajar a noite

Apendi que viajar a noite me faz economizar com hospedagem e consigo aproveitar melhor o dia. Sem falar que as passagens podem ser mais baratas.

Escolha bem os horários para que fique no ônibus, trem ou avião a noite, assim conseguirá poupar uma noite no hotel.

Quando eu mochilei pela Europa aprendi a andar de trem de um local para outro. Fazia isso durante a noite, dormia bem e chegava de manhãzinha para conhecer a cidade.

23 – Aproveite as conexões para conhecer lugares novos

Se vai de avião e tem uma conexão não se irrite com isso, essa pode ser uma boa oportunidade.

Principalmente quando elas são demoradas você consegue sair do aeroporto e dar uma voltinha pela cidade. É fácil entender isso, se imagine esperando 6 horas dentro do aeroporto e compare com umas 4 horas passeando por lugares novos.

Sobra bastante tempo e você ainda tem uma folga para ir e voltar do aeroporto sem risco de perder o voo.

24 – Respeitar os costumes locais

Já vi vários viajantes passando vergonha ou fazendo feio. Eu digo que é essencial pesquisar sobre os costumes locais antes de ir seja para onde for.

Veja o que comer, como se comportam e o que pode ser uma ofensa. Lembre-se que você está na casa deles e não o contrário. Se seguir essa regra será sempre bem recebida.

25 – Você tem que se divertir

Essa é a regra de todo viajante, se divertir. Nada de ficar de cara fechada porque alguma programação deu errado ou porque não conseguiu visitar o seu restaurante favorito porque estava cheio.

Esse é um momento de se distrair, se não deu certo, parta logo para outra.

Sabendo das dicas que todo viajante deveria saber antes de viajar dá para aproveitar muito. Agora é só fazer as suas malas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.