10 maravilhas naturais para conhecer antes que seja tarde

Nada de perder de conhecer as maravilhas naturais que estão correndo sérios riscos de desaparecem. Conheça quais são e coloque-as em seu roteiro de viagem.

Muitas regiões do planeta estão sendo afetadas devido a mudança climáticas. Se você curte apreciar a beleza natural, não perca de visitar algumas que estão desaparecendo. Infelizmente a lista é grande de lugares que não vão estar aos nossos olhos para sempre. A poluição, o aquecimento global, as geleiras derretendo, tudo colabora para que lugares incríveis deixem de existir.

Lista de lugares que guardam maravilhas naturais que estão a desaparecer

Se eu fosse colocar todos os belos lugares que estão em risco de desaparecer, a lista seria enorme. Porém, eu selecionei alguns dos mais fascinantes para você apreciar antes que seja tarde. Anote os que podem fazer parte do seu próximo roteiro turístico e curta o que a natureza oferece!

SIMULE SEU SEGURO VIAGEM COM 10 SEGURADORAS

Qual é o seu destino de viagem?

Solicitar

– Monte Kilimanjaro, Tanzânia

10 maravilhas naturais para conhecer antes que seja tarde

Imagem: Pixabay / Mariamichelle

A neve do topo do monte está derretendo e a previsão é de que isso ocorra ainda mais depressa. Será que o grande desafio para alpinista se tornará uma história épica? 85% do gelo já derreteu até 2007 e a previsão é que os gelos desaparecem em 15 anos.

– Grande Barreira de Corais, Austrália

Devido ao aumento da poluição acida e às temperaturas crescentes, o número de corais brancos está aumentando. Essa é uma das principais maravilhas do mundo, mas está desaparecendo aos poucos. A previsão é de que não existam até 2030.

– Cavernas de gelo, Glaciar Mendenhall, Estados Unidos

No vale do Mendenhall, embaixo do glaciar Mendenhall, estão lindas e incríveis cavernas de gelo. Porém, todos os anos as cavernas estão derretendo e logo essa maravilha já não existirá.

– Ilhas Seychelles, África

Devido à erosão da praia, as Ilhas Seychelles estão na lista das maravilhas naturais que estão sumindo. Esse é um destino popular, já que é uma opção incrível para relaxar em suas praias paradisíacas.

– Grand Canyon, Estados Unidos

Devido a construção de resorts e aos projetos de mineração de urânio, o desfiladeiro e o Rio Colorado sofrem ameaças. Por isso está na lista dos pontos históricos mais ameaçados pelo Fundo Nacional de Preservação Histórica dos Estados Unidos.

– Parque Nacional Joshua Tree, Estados Unidos

Ideal para quem quer curtir momentos ao ar livre junto com a família e amigos. Seja acampando ou apenas respirando ar puro, essa é uma das principais opções de lazer em meio a natureza. Porém, a seca está acabando com a paisagem.

– Maldivas, Ásia

Lentamente esse paraíso está se afundando por causa das mudanças climáticas. Bangalôs luxuosos e todo o paraíso existente hoje pode deixar de existir. Conforme estudos, em cem anos é possível que o país todo esteja submerso.

– Amazônia, Brasil

São 5,5 quilômetros quadrados que a transforma na maior floresta tropical do mundo. Porém, o desmatamento e a construção de estradas estão fazendo a floresta desaparecer aos poucos.

– Floresta do Congo, África

Conhecida também como Selva do Congo, possui mais de 400 mamíferos, 1.000 aves e 10.000 espécies de plantas. Ela é a segunda maior floresta tropical do planeta, porém, está desaparecendo rapidamente por causa da mineração ilegal.

– Mar Morto, Oriente Médio

Entre Jordânia e Israel, o Mar Morto afundou cerca de 25 metros, perdendo um terço da superfície em 40 anos. Esse é um dano irreversível, principalmente por culpa de empresas de cosméticos e à mineração de minerais.

Conheça essas maravilhas naturais antes que desapareçam e fotografe-as, filme e grave para sempre em sua memória. Só não se esqueça de se proteger ao viajar em meio à natureza. Para isso, conte com o seguro viagem turismo de aventura e curta tudo o que o destino oferece.

Andreia Silveira

Andreia Silveira é redatora e editora freelancer com mais de 8 anos de experiência. Iniciou estudo em Turismo na USC-Bauru e, atualmente, estuda Gestão de Turismo na Uninter. Possui certificação como Gestor de Turismo pelo MTur e em Operação de Roteiros Turísticos e Monitoria de Atrativos Turísticos. Tem enorme paixão pela escrita, com o interesse na criação e publicação de artigos de qualidade em diversas áreas do conhecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.