Cote
aqui o seu
Seguro Viagem!

Cote aqui o seu Seguro Viagem!

Cote em 30 segundos e compare as melhores opções:

Vamos para onde?

Solicitar

Férias nas Ilhas Maurício – um destino exótico e apaixonante

Você já ouviu falar desse pequeno paraíso preservado? Agora você vai poder programar suas próximas férias inesquecíveis, num cenário de sonho!

As Ilhas Maurício possuem cenários que irão tornar suas férias inesquecíveis. É um lugar único, onde o turista consegue desfrutar de cenários tão bonitos e diferentes, mergulhando em piscinas naturais de águas azul turquesa do Oceano Índico. As praias têm águas azul-turquesa e areia branca, estão entre as mais bonitas do mundo. Algumas são consideradas Patrimônio Mundial da Humanidade pela sua beleza, como no caso de Blue Bay e La Mome. Os corais e recifes são preservados; as montanhas, de origem vulcânica, exibem uma rica flora.  A distância é grande, sem dúvida, mas vale a pena! Esse é um dos paraísos do planeta e pouco visitado pelos brasileiros.

Férias nas Ilhas Maurício - um destino exótico e apaixonante

Não há voos diretos do Brasil para as Ilhas Maurício, é preciso fazer algumas conexões. O trajeto mais recomendado é um voo de São Paulo para Johanesburgo, na África do Sul, em uma viajem de 8 a 9 horas. O segundo trecho é de aproximadamente 4 horas, de Johanesburgo para Port Louis, a capital de Maurício.

Um pouco de geografia e história

As Ilhas Maurício estão situadas a aproximadamente 2400 quilômetros da Costa Sudoeste da África e têm apenas 65 km de comprimento. São densamente povoadas, com aproximadamente 1.2 milhão de habitantes. A população é um exemplo de convívio na diversidade, onde todos os grupos étnicos presentes vivem em harmonia: hindus, muçulmanos, mestiços, chineses e europeus. As culturas de seus ancestrais têm sido preservadas, o que faz das Ilhas Maurício um lugar único no mundo.

Um pouco de geografia e história

#PARTIU FÉRIAS? NÃO ESQUEÇA DO SEGURO VIAGEM

Qual é o seu destino de viagem?

Solicitar

A maioria dos mauricianos é bilíngue e fluente em francês ou inglês. O inglês é a língua oficial, mas as línguas asiáticas também são usadas. As Ilhas Maurício preservaram a imagem de ser um dos poucos exemplos de sucesso social e econômico na África, sendo um importante centro turístico.

As Ilhas Maurício foram descobertas pelos árabes, no início do séc. X e foram exploradas pelos portugueses no séc. XVI. Depois foram ocupadas pelos holandeses, no século XVII, quando então foram nomeadas de Maurício em homenagem ao príncipe Maurício de Nassau, aquele mesmo que governou o Recife, no Brasil, de 1637 a 1644.

As Ilhas Maurício são famosas no mundo inteiro, como um destino turístico de destaque, não apenas por sua beleza, mas pela imensa variedade de atividades que oferece, relativamente ao seu pequeno tamanho. São relacionadas quase 200 atividades, atrações e lugares interessantes para se fazer e ver, esperando para serem descobertos, em passeios marítimos, visitas a pequenas ilhas, museus e parques.

Onde ficar

Quando ouvimos falar das Ilhas Maurício, imaginamos que é um destino turístico para milionários, com suas praias paradisíacas. Mas quem foi e conferiu trouxe uma boa notícia, a de que é possível ficar em Maurício por muito menos do que nos destinos turísticos do Brasil. Existem pousadas simples por 20 a 30 euros a diária para o casal e hotéis charmosos por 50 a 80 euros a diária, com piscina e ao lado da praia.

As opções de hospedagem são muitas. Se você quer economizar e ter um lugar para dormir, numa pensão simples e limpa, pode pagar 30 euros a diária no Albergue Saladier, com reservas disponíveis apenas no site do Booking.com. Uma opção de pousada charmosa e não muito cara é a L`Osseu de Paradis, que fica perto do Parque Nacional e onde a diária fica entre 60 e 90 euros. O Península Bay Hotel é opção all included, localizado na praia. A diária inclui refeições, bebidas e passeios de barco. A diária é 105 euros.

Onde ficar

Mas um dos grandes diferenciais das Ilhas Maurício são os seus resorts, que são destacados pela alta qualidade de seus serviços, acima da média do que se vê nos destinos turísticos do mundo. O tratamento que oferecem e a infraestrutura impecável são diferenciados e deixam os hóspedes encantados. Tudo é programado para o máximo conforto, divertimento e a melhor experiência possível, com atividades e programas para todas as idades e gostos.

Mahebourg é a melhor opção para se hospedar, para o brasileiro que chega da longa viagem, porque é próxima ao aeroporto e se pode descansar um ou dois dias. Ali perto está a praia Blue Bay, lindíssima, com passeios de barco de fundo de vidro ou snorkel, para contemplar a beleza do fundo do mar, com peixes coloridos. A praia fica a 20 minutos de ônibus de Mahebourg.

Passeios de barco e catamarã

Para conhecer peixes de cores fantásticas em um mar transparente, o catamarã, na alta temporada cobra aproximadamente 40 euros, com refeição e bebidas incluídas.

O povo é simpático com os turistas, puxam conversa, curiosos. A ilha é rodeada por corais, razão das cores do mar, que variam de azul claro a turquesa. A temperatura da água é agradável, e peixes e tartarugas aparecem nas águas rasas das praias.

Passeios de barco e catamarã

Outro passeio fácil de fazer é de barco para a Ilha aux Aigrettes, com barcos que saem da baia, que pode ser alcançada de ônibus. O passeio fica 20 euros. A ilha é preservada, com a vida selvagem que existia nas Ilhas Maurício antes das ocupações dos invasores. Ali vivem as tartarugas gigantes, algumas com 100 anos e mais de um metro de comprimento e aves de espécies endêmicas da ilha.

Passeios de barco e catamarã

O terceiro passeio recomendado é o de barco para a Ilha dos Cerfs, em catamarã, que proporciona uma incrível visão da costa e uma excursão pela ilha, que tem praias paradisíacas. Para chegar à Ilha dos Cerfs também se pode pegar um táxi ou ônibus até Trou de Eau Douce, uma vila da onde saem barcos para as ilhas. Nesta cidade fica a Pousada Familiar Golden Shell Residence, bem avaliada, a uma diária de 20 euros. Na opinião de quem já foi, não é preciso ficar em hotéis caros em Maurício, apenas na chegada da viagem, para descansar. Depois o melhor é se mudar para hotéis baratos, o que em nada mudará a qualidade da viagem.

Férias nas Ilhas Maurício - um destino exótico e apaixonante

O quarto passeio indicado é uma ida até Port Louis, a capital, o que pode ser feito pegando um táxi ou ônibus. A visita é obrigatória ao mercado e ao Museu Nacional. Perto do porto há uma galeria de lojas, o Caudan Waterfront, com restaurantes e venda de artesanato, com camisetas da ilha e Dodôs de pelúcia. Atualmente, os Dodôs só existem no museu e nos bonecos para turistas, porque tragicamente foram extintos pela caça implacável dos invasores portugueses.

Férias nas Ilhas Maurício - um destino exótico e apaixonante

Dodô

Dê uma esticada até os Jardins Reais de Paamplehouse, um dos mais antigos jardins botânicos do mundo. É um passeio que se faz à pé, por jardins bem cuidados, onde os pássaros vermelhos e amarelos estão soltos, e veadinhos buscam comida na mão dos visitantes.

Um passeio incrível é até a Grand Bay e a praia Mont Chosy. O melhor é se mudar para um hotel no local, porque fica longe da cidade. Você pode escolher o Montchosy Beach Resort, opção bem contada no Booking.com, que é pé na areia, com diárias de 90 euros, no estilo apart-hotel. O local tem uma fantástica piscina. Do Resort se pode contratar passeios de barco para as Ilhas Gabriel, Coin de Mire e Ile de Plat, onde existem lindas praias, se pode mergulhar e comer um peixe fresquíssimo.

Dicas adicionais para quem vai às Ilhas Maurício

1. Quando for a Maurício leve sua melhor roupa de banho e outras peças casuais para usar. Nos meses do inverno, que vão de junho a setembro, como no Brasil, leve um agasalho leve para as noites frias. Recomenda-se manter uma atitude respeitosa quando visitar lugares religiosos. Quando entrar nos lugares considerados sagrados é preciso usar roupas apropriadas, no caso das mulheres, o que exclui os shorts. Os homens devem tirar os sapatos e cintos, se forem de couro.

2. Existem períodos mais indicados para ir, sem se preocupar com o clima, para poder aproveitar todas as belezas existentes. A melhor época para conhecer as Ilhas Maurício é entre setembro e abril, no verão, quando o calor sobe até 35º. As chuvas são rápidas nesse período, mas fracas, e não atrapalham os passeios. No inverno, a viagem não é indicada por existir a possibilidade de ciclones.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.