Saiba como anda a cultura dos maiores municípios brasileiros

Se está pensando em viajar é muito importante conhecer um pouco mais sobre o seu destino. Conhecer os pontos turísticos é muito importante, mas entender mais sobre a cidade, ajudará a conhecê-la melhor.

Saiba como anda a cultura dos maiores municípios brasileiros

Por isso, antes de embarcar para os 100 maiores municípios brasileiros, que correspondem a 1,8 das cidades total, veja algumas curiosidades sobre a cultura e educação, conforme dados da 2ª EDIÇÃO DO DGM (Desafios da Gestão Municipal).

Dados da cultura no Brasil

A nota média do IDEB para o ensino fundamental é de 5,3. Maringá e Franca são as mais bem colocadas com 7,1 e Olinda e Feira De Santana são as com menores notas, 4,0.

COTE SEU SEGURO VIAGEM COM 10 OPERADORAS

Qual é o seu destino de viagem?

Solicitar

O número de matrículas em creches de crianças de 0 a 3 anos apresentou uma melhora. Saltou de 10,8% em 2005 para 29,0% em 2015.

Em 2009, dos oito municípios com nota 5,2 no IDEB, 7 deles tinham um gasto inferior a R$ 5.000 por aluno do ensino fundamental.

Blumenau (SC) conseguiu a nota 6,5 em 2015 e teve um aumento de 39,3% nos gastos com educação.

Campo Grande (MS) aumentou os gatos com educação em 50,2%, porém continuou com a mesma nota no IDEB, 5,4.

321 mil é o número de crianças de 4 e 5 anos que não estão matriculadas na educação infantil nas 100 maiores cidades do país.

A nota REFERÊNCIA INTERNACIONAL DA OCDE (6,0) não foi atingida por nenhum município considerando os anos finais do ensino fundamental da rede pública. A nota mais alta foi de Joinville – SC, com 5,5, e a menor foi de Maceió – Al, com 3,0.

Em 2015, Piracicaba – SP foi a cidade mais bem colocada no IDGM Educação das 100 maiores cidades. Ela possuía nota 0,645 e teve um crescimento de 21 posições no ranking em comparação com o levantamento anterior.

Os 25 municípios com as melhores avaliações em educação se encontram nas regiões sul e sudeste. As 25 piores avaliações são de cidades localizadas no norte e nordeste.

A cidade com mais crianças de 0 a 3 anos matriculadas em creches é Vitória (ES) com 76%. A pior é Macapá com 4%.

As cidades de Taubaté, São José dos Campos, Jundiaí, Franca, Sorocaba, São Bernardo do Campo, Suzano, Campinas, São José dos Campos, Taboão da Serra e Mogi das Cruzes (SP); Vitória (ES); Blumenau e Florianópolis (SC) e Niterói (RJ) atingiram 100% das crianças de 4 e 5 anos matriculadas na pré-escola.

A melhor nota do IDEB no ensino fundamental I público foram de Franca – SP e Maringá – PR com 7,1.  A pior foi de Olinda – PE e Feira de Santana – BA com 4,0. No ensino fundamental II público foi de Joinville – SC, com 5,5, e a pior de Maceió – AL com 3,0.

E para finalizar, 41% dos museus brasileiros estão nas 100 maiores cidades do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.